Site Meter

 

A Torre de Babel

"Asseguram os ímpios que o disparate é normal na Biblioteca e que o razoável (e mesmo a humilde e pura coerência) é quase milagrosa excepção."

Jorge Luís Borges, A Biblioteca de Babel

 

 

sexta-feira, junho 24, 2005

Mais

do que reduzir o número de professores destacados nos sindicatos era preciso coragem para acabar com a figura do sindicalista de profissão. Sim, porque aquela gente não exerce a profissão de professor propriamente dita, em alguns casos, há décadas.

Não se vê isto em mais lado nenhum do mundo nem do país. No sector privado quem é sindicalista tem um crédito de horas por mês para exercer a actividade (tipo 2 ou 3 horas) e o resto faz no seu tempo livre. E assim é que tem de ser.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home